Como são categorizadas as reservas de óleo e gás?

As reservas de óleo e gás podem ser categorizadas como provadas (1P), provadas e prováveis (2P) ou provadas, prováveis e possíveis (3P), dependendo da escala de incerteza quanto a quantidade de recursos que podem ser extraídos e a chance de comercialização. As somas das reservas provadas, prováveis e possíveis, também denominadas como Reservas 3P, são chamadas de reservas totais.

As estimativas de reservas da quantidade de recursos disponíveis ocorrem através do cálculo do volume que pode ser extraído dos reservatórios até que seja inviável economicamente manter a exploração. Nesses estudos são feitos mapeamentos geológicos da área, incluindo aspectos técnicos, econômicos, regulatórios e jurídicos.  Essas estimativas são periodicamente revistas, ao longo de toda a vida útil do reservatório.

Essa etapa é essencial para o planejamento de investimento das empresas que atuam nos setores de exploração, já que é avaliada a viabilidade técnica e econômica de explorar uma determinada região.

As reservas provadas são aquelas em que um alto grau de certeza quanto à possibilidade de se extrair petróleo e gás natural, ou seja, uma probabilidade mínima de 90%, no caso de uma análise probabilística, de que o volume explorado comercialmente será igual ou maior que o estimado a partir das análises desenvolvidas.

Já as reservas prováveis possuem algum grau de incerteza quanto à possibilidade de se extrair petróleo e gás natural. Nesse caso, é considerada a probabilidade mínima de 50%, de que o volume explorado comercialmente iguale ou exceda o estimado a partir das análises desenvolvidas.

Por último, existem as reservas possíveis. Nelas, há um alto grau de incerteza quanto à possibilidade de se extrair óleo e gás natural. São denominadas dessa forma, reservas com uma probabilidade mínima de 10%, de que o volume explorado comercialmente iguale ou exceda o volume estimado.

De acordo com o último Boletim de Recursos e Reservas de Petróleo e Gás Natural da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), com dados de 2019, as reservas brasileiras de óleo e gás apresentaram um volume total de 12,7 bilhões de barris de petróleo como Reservas 1P e 21,8 bilhões como Reservas 3P. Já para gás natural foram 364,6 bilhões de m³ em Reservas 1P e 550,0 bilhões de m³ em Reservas 3P.

(Fonte: CBIE)

Comments are closed.

Navigate
EnglishPortuguese