Sem reajuste, preço do diesel e da gasolina se aproximam da paridade internacional

RIO – De acordo com a atualização mais recente, em 7 de outubro, o preço médio do diesel na refinaria nacional ficou R$ 0,12/litro acima do preço no Golfo do México (EUA). O preço doméstico do diesel foi R$ 2,3022/litro (sem CIDE e PIS/COFINS) e o preço no Golfo (somado à frete e armazenagem) foi de R$ 2,1818/litro. O preço internacional do diesel ficou praticamente estável com relação à semana anterior, sendo a redução de 2,3% na taxa de câmbio (R$/US$), o principal fator de influência da variação da defasagem, dado que os preços nacionais não tiveram reajustes na semana.

Veja a o histórico dos últimos 12 meses no gráfico abaixo:

A média semanal (de 1 a 7 de outubro) dos preços do óleo diesel nacional esteve R$ 0,11/litro acima do preço do Golfo do México (EUA).

O preço da gasolina doméstica ficou R$ 0,10/litro abaixo do preço no Golfo do México (EUA), em 7 de outubro. O resultado da defasagem deve-se a redução do preço internacional da gasolina, em 2,4%, com relação à semana anterior (30 de setembro) que, convertido em reais, ficou em R$ 1,9034/litro (considerando frete e armazenagem). O último reajuste da gasolina na refinaria nacional foi em 27 de setembro, portanto o preço se manteve em R$ 1,8054/litro (média)

Acompanhe a variação nos últimos 12 meses:

Na média semanal (de 1 a 7 de outubro), o preço da gasolina na refinaria nacional ficou R$ 0,11/litro abaixo do preço do Golfo do México (EUA).

Veja a variação anual.

(Fonte: CBIE)

Comments are closed.

Navigate
EnglishPortuguese