Só falta privatizar a Petrobras para finalmente vivermos a era pós-Vargas

Por Adriano Pires

Faz sentido o Estado controlar uma empresa de petróleo enquanto o mundo discute a transição energética?

 

O debate político, em particular, em períodos eleitorais, mostra cada vez mais não ter o menor sentido a existência de empresas de capital misto e estatais no Brasil. Se realmente queremos beneficiar a sociedade com as riquezas que estas empresas geram, só conseguiremos isso através da privatização. Hoje o grande beneficiário não é a sociedade e sim a corporação dessas empresas, que criaram um sistema imunológico que repele qualquer ser estranho aos seus interesses. No final do dia essas corporações ficam com os ativos dessas empresas e deixam para a sociedade o passivo. Daí a importância de se concluir o processo de capitalização da Eletrobras, ainda nesse primeiro semestre. Há anos se tenta a privatização da Eletrobras sem sucesso. No governo Fernando Henrique se privatizou com sucesso a Vale em 1997 e em 1998 foi a vez da Telebrás. Essas privatizações trouxeram inúmeros benefícios para a sociedade brasileira. A privatização da Eletrobras me lembra a da Vale. Com certeza, a Eletrobras será uma das maiores e mais eficientes corporações na área de energia no mundo, investindo, gerando empregos e pagando dividendos para seus acionistas. Assim só faltará privatizar a Petrobras para que finalmente possamos viver a era pós Vargas.

 

CONTINUE LENDO!

 

Publicado originalmente pelo Estadão.

 

POSTS RELACIONADOS

    SIGA NOSSA NEWSLETTER

    ENERGIA SEMANAL