Quantos quilômetros de dutos temos no Brasil hoje?

Por CBIE

A resposta é simples: a malha de gasodutos brasileira completa tem cerca de <strong>45 mil km</strong>. Porém temos diferenças nos tipos de dutos. A malha dutoviária <strong>para transporte</strong> de gás natural é de <strong>9,5 mil km</strong>. Esses são gasodutos que realizam a movimentação de gás natural desde as unidades de processamento de gás natural, as <strong><a href=”http://dicionariodopetroleo.com.br/dictionary/unidade-de-processamento-de-gas-natural-upgn/”>UPGN</a></strong>s, até às instalações de estocagem. Esses dutos podem levar a molécula diretamente também para grandes consumidores como indústria pesada ou térmicas, ou finalmente aos pontos de entrega <strong><a href=”http://dicionariodopetroleo.com.br/dictionary/estacao-de-entrega-e-recebimento-de-gas-natural/”><em>(City Gate)</em></a></strong> de concessionários estaduais de distribuição.

Já a malha de <strong>distribuição</strong> é de <strong>35,5 mil km </strong>- mais que o triplo da escala da malha de transporte. São estes dutos que recebem o gás natural no ponto de entrega (City Gate) e entregam aos consumidores finais, completando a cadeia do gás. Essa infraestrutura pertence aos concessionários estaduais de distribuição como a antiga Gás natural Fenosa, recentemente renomeada <strong><a href=”https://www.naturgy.com.br/br/1285084449756/inicio.html”>Naturgy</a></strong>, <strong><a href=”https://www.comgas.com.br/”>Comgas</a> </strong>dentre outras. Veja tabela abaixo:

<a href=”https://cbie.com.br/artigos/quantos-quilometros-de-dutos-temos-no-brasil-hoje/attachment/mkt_2019_mapa-de-distribuidoras-com-logotipos/” rel=”attachment wp-att-2246″><img class=”size-full wp-image-2246″ src=”https://cbie.com.br/wp-content/uploads/2019/03/MKT_2019_mapa-de-distribuidoras-com-logotipos.jpg” alt=”Quantos quilômetros de dutos temos no Brasil?” width=”700″ height=”520″ /></a> Veja as concessionárias estaduais de gás natural nos estados brasileiros (Fonte: gáscanalizado.com.br)

O Brasil ainda está muito atrás em relação a países vizinhos na disponibilização de malha de gás natural encanado para atender a população. A Argentina, por exemplo, possui uma malha de gasodutos de transporte de 16 mil km, praticamente o dobro da brasileira, mesmo possuindo território um terço menor que o Brasil.

A Argentina tem uma malha mais integrada com seu interior, ao passo que no Brasil o objetivo inicial era transportar o gás da produção offshore para as capitais litorâneas, provindo das bacias de Santos, Campos e Espírito Santo e também na Região Nordeste. Esta concentração na costa faz com que exista subtilização do gás na indústria brasileira no interior do país.

<a href=”https://cbie.com.br/artigos/quantos-quilometros-de-dutos-temos-no-brasil-hoje/attachment/mkt_2019_malha-de-gasodutos-legenda/” rel=”attachment wp-att-2244″><img class=”alignnone wp-image-2244 size-medium” src=”https://cbie.com.br/wp-content/uploads/2019/03/MKT_2019_Malha-de-Gasodutos-Legenda-290×300.png” alt=”Quantos quilômetros de dutos temos no Brasil?” width=”290″ height=”300″ /></a>

Além dos sistemas de gasodutos no litoral abastecidos pelo escoamento da produção <em>offshore</em>, outras partes importantes da nossa rede de transporte de gás estão no Gasoduto Bolívia-Brasil (Gasbol) e na ligação entre a produção de gás no Pólo Arara, em Urucu, até a Cidade de Manaus (Amazonas), conforme observado nos mapas a seguir.

<a href=”https://cbie.com.br/artigos/quantos-quilometros-de-dutos-temos-no-brasil-hoje/attachment/mkt_2019_malha-de-gasodutos-ne-n/” rel=”attachment wp-att-2245″><img class=”size-full wp-image-2245″ src=”https://cbie.com.br/wp-content/uploads/2019/03/MKT_2019_Malha-de-Gasodutos-NE-N.png” alt=”Quantos quilômetros de dutos temos no Brasil?” width=”1367″ height=”626″ /></a> Veja a malha de gasodutos das regiões Norte e Nordeste do Brasil (Fonte: Reprodução)

O gás importado da Bolívia através do Gasbol, implementado por uma política energética que visava sua utilização na indústria nacional já foi responsável por cerca de 1/3 da oferta total do Brasil em seu auge no início dos anos 2010. No entanto, a instabilidade no fornecimento reduziu a participação para pouco mais de 25% entre 2016 e 2018. Por outro lado, o gasoduto Urucu-Coari-Manaus iniciou as operações em 2009 e chega às usinas termoelétricas da Amazônia onde geram mais 750 MW de energia elétrica.

<a href=”https://cbie.com.br/artigos/quantos-quilometros-de-dutos-temos-no-brasil-hoje/attachment/mkt_2019_malha-de-gasodutos-co-se-s/” rel=”attachment wp-att-2243″><img class=”size-full wp-image-2243″ src=”https://cbie.com.br/wp-content/uploads/2019/03/MKT_2019_Malha-de-Gasodutos-CO-SE-S.png” alt=”Quantos quilômetros de dutos temos no Brasil?” width=”1200″ height=”980″ /></a> Veja a malha de gasodutos das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil (Fonte: Reprodução)

Hoje, parte significativa do gás natural que sai de poços do pré-sal tem de ser reinjetada nos campos, pois ainda não há como escoar, processar e distribuir todo o energético produzido. O aumento do uso de gás para atividade industrial e em novas térmicas a partir da expansão da exploração do Pré-sal está sendo estudado pelo governo, e há um debate acerca da implementação de programas de expansão da malha de gasodutos, como o projeto do Brasduto.

(Fonte: CBIE)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tags: slider

POSTS RELACIONADOS

    SIGA NOSSA NEWSLETTER

    ENERGIA SEMANAL