Motivos e soluções para a crise de energia

Por Adriano Pires

Brasil precisa rever decisões do setor energético para afastar fantasma do racionamento

 

Todo ano é a mesma preocupação: será que vai faltar luz? Todo ano a desculpa é a mesma: isso é culpa de São Pedro. Há 20 anos, desde o racionamento de 2001, somos assombrados pelos mesmos fantasmas. Mas quais são os reais motivos para essas recorrentes crises de energia?

Resposta simples com solução complicada. O problema é estrutural. As mudanças climáticas são inquestionáveis. De acordo com dados da ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), estamos vivendo a pior escassez de água dos últimos 91 anos, mas não podemos colocar a culpa apenas no clima. É preciso resolver erros de planejamento do setor elétrico.

Um dos erros foi a prioridade à construção de usinas sem reservatório, as conhecidas usinas a fio d’água. As usinas a fio d’água não dispõem de reservatório. Com isso, passam a ter uma geração intermitente só gerando quando chove. Os últimos grandes projetos no Brasil foram as usinas de Belo Monte, Jirau e Santo Antônio, no Pará, que custaram bilhões sem aumentar a capacidade de geração durante todo o ano.

 

CONTINUE LENDO!

POSTS RELACIONADOS

    SIGA NOSSA NEWSLETTER

    ENERGIA SEMANAL