ICMS deveria passar a ser tarifa fixa para reduzir preços dos combustíveis

Por Fontes Externas

Para Adriano Pires, é necessário criar alternativas para controlar os valores nas refinarias e na bomba, evitando que o consumidor sofra com todas as mudanças do mercado

 

Na manhã desta terça-feira, 18, o sócio-fundador e diretor do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE), Adriano Pires, concedeu uma entrevista ao vivo para o Jornal da Manhã, da Jovem Pan News, pra falar sobre o imbróglio relacionado ao Imposto Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos Estados e o impacto que a taxa pode gerar no preço dos combustíveis, após aumentos sucessíveis da Petrobras, que se guia pela alta do dólar e do barril do petróleo. Ele defendeu a tarifação fixa do ICMS, deixando de ser uma alíquota, que muda de acordo com o valor dos combustíveis – algo proposto em um projeto de lei já aprovado na Câmara e tramitando no Senado atualmente.

 

 

Publicado originalmente pela JovemPan.
Crédito da imagem: (Por SO888/Shutterstock)

POSTS RELACIONADOS

    SIGA NOSSA NEWSLETTER

    ENERGIA SEMANAL